terça-feira, 14 de janeiro de 2014


Capitulo 76

- Não compreendo onde está querendo chegar senhor delegado!... Está querendo dizer que meu sócio provocou o acidente do meu filho? – o encarou sério.
- Não leve isso como uma acusação senhor Sérgio – tentou se retratar – apenas... Uma especulação... É somente meu trabalho, tenho que coletar todas as possiblidades do caso! – explicou-se –... Tenho que ir agora!
O delegado ia em direção à porta, quando deu de encontro com Sheyla que chegava desesperada.
 - Me desculpe senhor delegado! – ela disse aflita – alias, poderia me esperar? Preciso conversar com o senhor!
- Claro! Se não for demorar muito...
- Sim... – Sheyla retirou-se para a secretaria.
A enfermeira a levou até o quarto de David. Surpreendeu-se ao encontrar Rebeca ali.
- Rebeca? – ela aproximou-se lentamente da cama.
- Oi Sheyla – elas se abraçaram emocionadas.
- Ele está bem? – Sheyla perguntou olhando para o rosto de David que parecia estar dormindo profundamente.
- Não... – Rebeca permitiu que as lágrimas caíssem – ele está inconsciente e tem a possibilidade de nunca acordar!
Sheyla levou às mãos a testa diante da noticia. Olhou de repente para Rebeca que parecia estar ali a horas.
- Você o ama, não é mesmo? – a encarou séria.
- Eu sei que ele não sente o mesmo por mim... – respondeu cabisbaixa – mas não importa! Eu vou ficar ao lado dele!
Sheila quis dizer a verdade. Mas sabia que isso não mudaria nada naquele momento. Talvez aumentasse ainda mais sua dor. Preferiu se calar.
Viviane foi até a casa de Nicole.
- Nicole preciso falar com você! – disse seria – eu já sei que a Raquel esta namorando o Pedro!
- O que? – ela exclamou surpresa – quem te disse isso?
- A própria Raquel, eu a vi hoje com a mãe do Pedro!
- Eu não acredito! Finalmente ela ouviu os meus conselhos! – falou contente consigo mesma – eu disse que ele ia cair na dela!
- Por quê? Você não sabia? - Viviane a olhou confusa.
- Não... Ela só tinha me dito sobre o jantar na casa dos pais dele! – Nicole explicou.
- jantar?
No hospital, Sheyla saia do quarto de David quando o delegado veio até ela.
- Queria conversar comigo?
- Sim delegado! – ela respondeu. Sua expressão tomou um tom mais obscuro – é sobre o acidente de David Martins!
Eles não sabiam, porém, que Sérgio, pai de David, ouvia a conversa sentado na sala de espera.
- Eu vi... Um homem... – ela começou com certo tremor na voz – ele saia em direção a mim, parecia ter saído pelo fundo da casa vizinha onde o David morava. Eu o vi exatamente no dia em que David ia fugir, esse homem parecia conhecido pra mim... Mas não sei de onde...
- E como ele era? – o delegado a indagou intrigado.
- Ele... Tinha uma cicatriz no rosto... Era alto e não tinha muito cabelo... Ah! Possuía uma tatuagem de caveira no braço!
Sergio ouvindo a conversa assustou-se. Era Bruno. Capanga de seu sócio Carlos. Lembrou-se das palavras dele quando o visitou no seu apartamento. “É melhor que seu filho não faça nada!”. O rosto de Carlos parecia mais frio do que nunca aquela vez. Percebeu que o que o delegado tinha dito era verdade. Com certeza seu sócio tinha mandado Bruno causar o acidente de seu filho.
Levantou-se bruscamente em direção à saída.
Já haviam passado horas, e Rebeca ainda permanecia ao lado de David. Suas mãos trêmulas, demonstravam seu desespero. Queria vê-lo acordar, não importava se estivesse longe dela, mas se estivesse vivo ela estaria feliz.
De repente, sentiu as mãos dele se mexer entre as dela. Um sussurro cortou o silêncio que permanecia concreto.
Rebeca surpresa tocou sua face olhando-o estática.
- David... – suas lagrimas corriam por sua fronte. Aproximou-se dele sentindo sua respiração ficando acelerada.
Rebeca chamou o médico aflita. Após alguns segundos, ele chegou abrindo a porta rapidamente, entrando com a equipe de enfermeiros.
David abriu os olhos lentamente. Rebeca sorriu emocionada ainda agarrada às mãos dele.
- Tem que se retirar! – o médico informou – vamos levá-lo para a sala de cirurgia.
Rebeca distanciou-se. Uma forte dor a atacou quando sentiu suas mãos se apartarem das dele.

5 comentários:

  1. Que lindo esse final, tomara que o David se recupere e fique com a Rebeca!
    Continua! ta demais flor!
    bjs

    ResponderExcluir
  2. To louca pra ve como vai fica essa historia!!!
    amiga, fiquei um pouco longe da web por que nao tava dando tempo de visitar pela faculdade e tal... Mas eu voltei com tudo, vou ler todos os capitulos! hehe
    beijos... Espero que nao tenha se esquecido de mim...

    ResponderExcluir
  3. Nossa que lindo o capitulo!
    Como vc consegue? Viciei nessa web kkk
    beijos...

    ResponderExcluir
  4. parabens pela web flor, ta muito boa
    continua...
    beijos

    ResponderExcluir
  5. Amei esse capitulo e corri pra ler os outros anteriores haha, sua web ta maravilhosa , você escreve super bem .
    beijoos,amanda
    http://entre-galaxias.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir