sábado, 8 de março de 2014


Capitulo 112

Pâmela não sabia, porém, que um dos companheiros de Alex da banda kings, viu a conversa entre ela e Carlos.
À noite, Rebeca estava em seu quarto. De repente, Julia, Viviane, Nicole e Raquel apareceram.
- Viemos te arrastar pra festa de hoje! – falou Raquel sentando-se na cama acompanhada das outras.
- Obrigada meninas, mas hoje eu não to muito a fim de festas – recusou-se desanimada.
- Ah por favor Rebeca! Sem você não vai ser a mesma coisa!... Você já está há dias enfurnada nessa casa! – afirmou Raquel tentando convencê-la.
- Eu sei... Mas... Eu tenho que cuidar do meu pai...
- Sem desculpas Rebeca! A gente sabe muito bem que ele já esta bem e a Suzana pode cuidar dele! – Viviane exclamou.
- Fala a verdade Rebeca, é porque não tem namorado? – perguntou Nicole convencida – olha só a Raquel! Tá solitária e nem tá ligando!
Raquel irritou-se.
- Olha aqui Nicole! Eu prefiro ficar “solitária” do que sair com um idiota como o Alex!...E também... Eu vou com o Tomás! – reafirmou para defender-se.
- Enfim... – Viviane interrompeu a pequena discussão. Dirigiu-se a Rebeca – você tem que aproveitar enquanto está aqui... Você sabe que daqui a pouco vai estar na França!
Rebeca mudou a expressão diante dessas palavras.
- Está bem!... Eu vou! – respondeu finalmente.
O lugar estava lotado, era um enorme galpão fechado.
Pâmela estava bebendo com alguns conhecidos. Comemorava sua ideia. Logo teria a quantia em suas mãos. De repente, observou pra sua surpresa, as meninas chegarem com Rebeca.
Depois, Rebeca apesar de tentar se divertir não conseguia. Todas as suas amigas estavam acompanhadas, mas não era isso que a incomodava, sabia muito bem se divertir sozinha, porem, a lembrança de que logo estaria longe delas a angustiava.
Separou-se delas sem perceberem. Foi até o bar.
Alex tinha ido ao bar pegar uma bebida pra Nicole quando um companheiro seu que estava lá se aproximou:
- E aí Alex? Quem é essa garota que você tá junto?
- É a Nicole!... Eu to ficando com ela – vangloriou-se orgulhoso – nada importante, você sabe... – o outro riu.
De repente, Alex percebeu Rebeca chegar até o balcão.
- Que gata! – falou admirado. Dirigiu-se ao amigo –... Ela é amiga da Nicole! Mas parece que a conheço de algum lugar! – cerrou os olhos tentando lembrar-se.
- Você não sabe? Ela é a ex do David! – explicou o outro.
- David sempre sortudo! – surpreendeu-se Alex – assim ela parece melhor ainda... – já saia em direção a ela quando o outro o impediu.
- Ficou maluco? Ela é a ex do David! Tá afim de morrer?
- Eu não tenho medo daquele Mané! – disse decidido se retirando.
Rebeca pedia um refrigerante quando Alex se aproximou.
- Não devia estar dançando lá com as outras? – falou simpático.
- Não tenho motivos... – disse ríspida.
- Por quê? É por causa do David? Deixa eu  adivinhar... Ele te enganou por outra... Ele faz isso com todas!
Rebeca estremeceu. Sentiu raiva.
- Eu não sinto nada por ele! Entendeu? E se quer saber eu já esqueci ele há muito tempo!
- Desculpa... Deve ser difícil pra você! Eu não queria ser um imbecil... – retratou-se falsamente – quer?
Ele lhe ofereceu um copo de bebida.
- Não obrigada! – falou firme.
- Tem medo do que o David pode pensar? – encarou-a.
- Claro que não! Pouco me importa o que aquela idiota pensa! – vociferou ela.
- Então prova! – empurrou o copo pra ela.
Ela o pegou decidida e o tomou rapidamente. Logo sentiu o gosto amargo correr-lhe pela garganta.
- Mais uma, por favor! – Alex pediu ao barman.
- Não! Eu não quero mais! – Rebeca disse recusando. Viu que o gosto era horrível.
- Vai! – ofereceu-lhe – já esta na hora de aproveitar mais a vida... E esquecer tudo de uma vez!
Ela viu então naquele copo um modo de esquecer David. Daria uma lição a ele. Lembrou-se das palavras. “você não passa de uma garota vazia!”. Pegou o copo e bebeu novamente.
Pâmela vendo a cena pegou de imediato o celular.
- David?... Não sabe o que eu acabei de ver! – falou sorrindo por dentro.
Após, Rebeca já estava inebriada pela bebida. A cada gole sentia-se liberar-se. E uma imensa alegria que não sabia de onde inundava-a. Porem, parecia que as palavras e as lembranças ruins aumentavam mais. Servia-se de mais um copo então.
Nicole estava com as meninas, quando percebeu estar fazendo bastante tempo que Alex havia saído. Ela chamou as meninas para irem atrás dele. Quando chegaram, no entanto, surpresas depararam-se com Rebeca.
- Rebeca! – exclamou Raquel incrédula – você... Você esta bêbada?
- Eu?... Claro que não... – respondeu sem parar de rir.
- Ela tá louquinha! – comentou Tomas rindo. Levou um leve tapa de Viviane – o que? É verdade!
- Alex o que você fez? – Raquel o encarou irritada.
- Nada! – levantou às mãos tirando de si a culpa – eu só vim pegar um refrigerante quando ela me pediu uma bebida!
Raquel o fuzilou com o olhar. Sabia que estava mentindo.
- Calma Raquel! O Alex não fez nada! – Nicole o defendeu.
- Vamos Rebeca! É melhor a gente te levar pra casa! – pediu Raquel.
- Não... Por quê? – Rebeca recusou-se – a gente tá se divertindo tanto! - riu-se com a voz tonta.
David chegou à festa. Preocupado, procurava por Rebeca entre as pessoas. Até que finalmente a viu.

3 comentários:

  1. Nossa a Rebeca pirou total!!! kkk
    to amando a nova fase da novela, parabens pela web ta muito bem escrita e cada capitulo me surpreende mais!
    bjs

    ResponderExcluir
  2. Amei o capitulo a rebeca ta ficando louquinha hein haha
    to adorando acompanhar a web!
    beijos

    ResponderExcluir